quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

terça-feira, 14 de dezembro de 2010

"Kidiaba" é isso?

O Internacional pensou que Abu "Dharia" Bi, mas não deu. A zebra africana Mazembe atropelou o campeão da Libertadores de 2010 que buscava o bicampeonato mundial. O sonho foi adiado.
Uma coisa que me chamou a atenção, foi que boa parte da imprensa esportiva já dava como "favas contadas" a final entre o Internacional e a Internazionale da Itália. Desconsideraram qualquer possibilidade de surpresa por parte dos clubes dos outros continentes. A situação só começou a mudar depois da vitória do Mazembe sobre o Pachuca, do México, país com uma certa tradição no futebol. Imaginava-se que os mexicanos enfrentariam o clube brasileiro nas semifinais.
Hoje, a vítima dos africanos foi o Internacional. De nada adiantou levantamento de dados sobre o Mazembe, relatórios e mais um monte de coisas que pareciam operações de filmes de espionagem. O Inter naufragou, jogou nervoso, com o peso de ter que conquistar o bicampeonato nas costas.Os destaques do jogo foram os africanos do Mazembe, o goleiro Kidiaba, e os atacantes Kabangu e Kaluyituka, os dois últimos, autores dos dois gols africanos.
O Internacional conseguiu vivenciar um momento histórico negativo. Pela primeira vez, em 50 anos - considerando o antigo Interclubes e o Mundial de Clubes da FIFA - a América do Sul ficará de fora da final de mundial de clubes. Uma pena

quarta-feira, 1 de dezembro de 2010